Agito do local

Photobucket

Cidade do meu coração

domingo, 3 de agosto de 2008

Pensamentos - Intolerância

Face Perdida

Eu nunca soube
o que procurar
Nunca soube
onde encontrar
Corri desesperado
eu chorei
Fiz de tudo para
escapar

Minha infelicidade
sem fim
Por que de minha
mente assim

Não era eu quem
dizia ou sentia
Tudo se distanciar
lá fora

Varrendo o ve
nto levou tudo
Carregou tud
o inclusive a mim

Aonde irei agor
a, o que serei agora.
Nem mais s
ei quem sou

Tudo parece r
odar e rodar
Pois não ha m
ais alma aqui

Resta-se ap
enas cinzas
De um temp
o que existiu

Lednew-f
orgive me



Rap - Brincadeira de criança

As pessoas vivem uma brincadeira de criança
Onde toda magoa vira uma vingança
Seus sentimentos se distorcem a ferro e fogo
Se ninguém lhes parar elas podem até matar
Brincadeira de criança e seus pirulitos de bate-bate
Bate na bomba até encher o balão
Ou ir parar na hora do plantão
Criança levada que apanha na bunda
Que se acostumou e virou vagabunda
Os mais ricos deixam seus brinquedos jogados na rua
Recolhendo o dinheiro sujo na calçada que coisa absurda
Todos pensam que cresceram que são gente grande
Mais na hora H provam ser crianças mimadas nesse bonde
Então envelhecem mais continua tudo igual
Não aprendendo a respeitar outras pessoas como tal
Justificando a morte pela vida ou a vida pela morte
Brincadeira de criança dessa ai não brinco mais
Quero sair da roda e não voltar jamais
Eu to de mal!!

2 comentários:

  1. Hey Bes,:-D
    Passando e vi que você até tem jeito para as letras de canção também, cara.;-)
    Eu gostei do Rap aí.
    Abraço. .-9

    ResponderExcluir
  2. Fala camarada,

    Letrista de musica, tambem, nossa o que é você não faz em meu amigo.

    PAZ
    BRaZZZil

    ResponderExcluir