Agito do local

Photobucket

Cidade do meu coração

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

The Legend of dragoon - Guerreiro Arthur - presente de aniversario

11 comentários

Essa homenagem é um presente especial a meu primo Arthur, que completou 21 anos no mes de agosto.

Esse homem é alguem que conheço de pequeno.

Desde pequeno brincavamos de bonecos, personagens de desenhos, ou de nossa imaginação que desejariamos ser por sua bravura, e seu jeito destemido.
Com o passar do tempo deixamos os pequenos articulados de lado, e passamos aos jogos de video games, que nos divertiam muito, alem de outras brincadeiras normais da infancia.

Nesses passos ia se formando uma amizade, um companheirismo, não apenas por sermos portadores do mesmo genes, em função do parentesco, mas também pois compreendiamos um ao outro, respeitavamos, sabiamos lidar com as esquisitices do outro, vamos dizer, e tinhamos uma valorosa amizade.

Com o passar do tempo me mudei para outra cidade, bem mais longe, e o contato foi diminuindo, fomos mudando, amadurecendo.
Tornamo-nos por fim homens, que mesmo lembrando-se do que o amigo foi na infancia, ainda assim não conseguiamos mais ter aquele sentimento de amizade, de reconhecimento no outro, de conseguir se aproximar.

Hoje ainda temos respeito grande respeito um pelo outro, mas...não é a mesma coisa de sempre, apesar de nos respeitarmos muito, porem, pelos caminhos que seguimos, porradas que tomamos, cada um se tornou diferente, demais um pouco para o outro conseguir carregar...

Tem uma musica antiga que dedico a este post, ao qual escrevi ja há algum tempo o texto abaixo.

Arthur, meu primo, meu amigo, meu irmão, amo te muito, apesar da distancia...estarei sempre a teu lado.

"O frescor perdido da amizade

Quanto tempo faz?
Nem lembro me a ultima vez em que olhei em seus olhos...
A ultima vez que conseguia olhar bem profundamente dentro deles,vendo o belo que existia em você.
Temo ser a ultima vez que possa vê-lo novamente,ando me perdendo cada vez mais.
Onde foram nossas mémorias,momentos onde tudo era brinquedo?
Eu não apreciei ter acordado e ver a barba cobrir nossos antigos rostos juvenis.
Adeus...
Só isso que parece estar restando agora meu amigo,meu irmão,meu parceiro.Os velhos tempos se foram,e nossas glorias também.
Indigno o tempo que nos converte nesses cães amedontrados,que ladram para não se deixarem intimidar,por medo de demonstrarem o que são.
Vejo agora então...apenas você seguindo outros caminhos que eu não posso seguir,vestindo uma farda que não me comporta...
Mas é isso ai,vai doer,mas sei que sara,um dia sara,e sei que ainda te vejo por ai novamente,como antes.
Então meu amigo poderemos nos abraçar,e saberei ter me encontrado novamente.

A amizade é como um animal de estimação,dando se alimento,atenção,sendo gentil,tratando sempre com dedicação,mantem saudavel,porem deixando ao leu,fara deixar padecer.

A amizade é como um rio,sempre segue seu curso,não se pode controlar.

A amizade é como o vento,sempre sopra em alguem.

E a amizade é como Deus,ninguem vive sem,mesmo que pense conseguir."

Sobre a imagem:

A referencia é do jogo the Legend of Dragoon, principalmente, e também há algumas ideias do jogo Mega man X, que curtiamos muito jogar.

Um abraço a todos, em especial meus amigos, e companheiros de blog OCP e Brazzzil.

PS: A musica referida no post NÃO é a que está tocando, é outra que ainda colocarei o endereço aqui.